Tempo

O tempo me causa aflição. Faz-me ter saudades daquilo que não pude ainda superar o fim. É confuso saber a importância de seguir em frente, e mesmo assim ter receio de desapegar de uma memória nostálgica. Complicado lidar com a saudade de algo que talvez não retorne, mas que poderia ainda existir se tivesse trilhado um caminho distinto. Porém talvez a maior dor que o tempo me causa não seja pelo o que já passou, mas sim o que está por vir. A incerteza de que seus planos serão darão certo, que terá os seus sonhos concretizados. Não ter certeza se cada dia é um dia a mais ou a menos para moldar seu futuro, se ao final da noite, progrediu em sua jornada ou permaneceu estagnado. E ainda tentar equilibrar a leveza de se viver o presente e seus prazeres, com a caminhada contínua para chegar onde se deseja.

Anúncios

Um comentário sobre “Tempo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s