Renato Lellis (Entrevista)

12096141_856791251082830_2776389169164759434_nAntes de tudo, queria explicar esta entrevista, a origem primária dela era para o blog do rodízio, mas como vocês já sabem, ele está fora por tempo indeterminado, quero pedir desculpas ao Renato, um grande músico, pois com toda essa confusão acabei guardando a entrevista comigo e não usei, mas hoje iremos publicar aqui em primeira mão a entrevista com o músico, compositor: Renato Lellis.

 

 

Se você ainda não conhece seu trabalho, confira os vídeos que ele publicou em seu canal no youtube:

Clica em ler mais para acabar de ler o post!

 

Confira a entrevista que fizemos com ele que ficou bem legal!!


Lucas Luciani: Qual foi a coisa que mais te impulsionou para seguir na carreira musical?

Renato LellisEu venho de uma família de músicos, e cresci dentro do CMM (centro musical morumbi) que é a escola de música fundada nos anos 50 pela minha avó e há décadas dirigida pelos meus pais. Sempre houve muito apoio e incentivo para mergulhar nesse mundo.

Lucas Luciani- Quem são suas maiores influencias na música nacional e internacional?

Renato Lellis: A tropicália em si é um período que eu admiro muito. Gil, Caetano, Tom Zé, e Gal são verdadeiros mestres e inspirações. Djavan, Milton Nascimento, Mutantes, Cássia Eller, Novos Baianos, e Sabotage, RZO, D2 e B Negão, De menos Crime também me influenciam muito.
Internacionalmente eu me inspiro muito em Ben Harper, Donavon Frankenreiter, Jack Johnson, G.Love, Jamie Cullum, Jason Mraz,  ALO, e Matt Costa.

Lucas Luciani: Como está o andamento do seu novo álbum “O melhor lugar”? E o que você colocou nele que foi diferente dos outros?

Renato Lellis: Ainda estamos em processo de gravação mas finalizando. O plano é lançar o CD no primeiro trimestre de 2016, até agora tudo correndo bem. Acho que quem ouvir meu ultimo disco “Vida Longa” e depois “O Melhor Lugar” vai perceber uma evolução em vários sentidos. Musicalmente eu cresci muito nesses anos tanto por estudo quanto por tocar com muitas pessoas talentosas que me ensinaram e  proporcionaram muitas experiências nesse universo vasto que é a musica.

Lucas Luciani: Para compor você precisa ter inspiração, onde você encontra sua inspiração?

Renato Lellis: A inspiração vem quando tenho um tempo livre pra curtir um instrumento e um sossego. Viajar e tentar viver experiências novas ou estar atento ao que nos rodeia é essencial

Lucas Luciani: Como foi tocar Quinta estação com a Uyara Torrente? Vocês já se conheciam antes, ou se conheceram justamente para tocar está musica juntos, e como foi durante as gravações?

Renato Lellis: Conheci a Uyara em 2008 acho, estava realizando um show com o Tom Zé e ela estava na platéia com o outros membros da Banda Mais Bonita da Cidade. A gente conversou bastante e ficamos amigos naquele dia. Anos depois chamei ela para gravar essa música que esta no “Vida Longa”. Gravamos o clipe durante as gravações e posso dizer com certeza que todos os presentes se encantaram com a musicalidade e o jeito doce da Uyara. 

Lucas Luciani: Você possui alguma música das que compôs que você mais gosta de tocar ela? E se existe uma que você gostaria de dar uma alterada?

Renato Lellis: Bom, as que eu mais gosto hoje em dia são as que estou gravando para “O Melhor Lugar”. Mas, uma do passado que se destaca para mim é “Amigos e Nada Mais”, do “Vida Longa”. Gosto de olhar para trás e aprender com meus erros, é natural que a gente pegue trabalhos anteriores e com a nossa cabeça de hoje pense que tal coisa poderia ser assim, tal coisa poderia ser assado. Faz parte, é assim que buscamos nosso melhor cada vez mais, e junto disso, a moderação de não ficar obcecado pelo que já foi. Não vou entrar em muitos detalhes sobre quais músicas ou o que eu mudaria senão vou me estender demais. 

Lucas Luciani: Alem da Uyara, você possui mais projetos para envolver outros cantores com você?

Renato Lellis: Acho que uma das melhores maneiras de se crescer nesse meio é estar junto de pessoas que você acredita na capacidade, e que também acreditem em você. Sempre gostei de trabalhar com pessoas diferentes, e essa é uma característica minha que não vai mudar. A pluralidade de talentos num meio artístico é algo vital, e fora que deixa a vida pessoal mais interessante.

Pergunta Bônus: Que dica você deixa para quem quer inciar sua carreira na música? 

Renato Lellis: Uma dica? Cuidado, você nunca sabe quem está te assistindo e onde. Dê o seu melhor.


 

Chegamos ao fim de mais uma entrevista, muito obrigado Renato pela participação no reformado 7, desejamos todo sucesso para você, e se você leitor quer conhecer mais sobre o Renato, entre no site dele e fique por dentro de tudo!!

http://www.renatolellis.com.br/

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s