Levei um fora e agora? 

Todo mundo alguma vez na vida já sofreu aquele dilema “Aí miga, será que eu devo chamar ele?” Ou “Aí não vou chegar nele, ele que tem que chegar em mim”. E assim, corações se partem, amores se vão e boas histórias muitas vezes são deixadas de lado, seja por vergonha ou porque nossas meninas não foram acostumadas a tomar tal atitude. 

Como guru do amor e conselheira amorosa das minhas amigas, me senti na obrigação de encorajar vocês também. Afinal, o não você já tem e é melhor se arrepender de uma coisa que você fez do que passar a vida pensando e se… A verdade é que se não der certo, pelo menos você vai ter uma história boa e engraçada para contar depois, e lógico experiência de vida. Por isso vou te inspirar com o caso da minha amiga X.

Eu e ela estávamos na aula de sociologia é nosso professor nos ensinou uma cantada que ele jurava infalível, era simples, só três passos e você já teria o peguete da noite.

No sábado, eu e ela fomos numa festa junina. Eu com meu namorado e ela triste, carente e de vela… Nós estávamos na entrada da festa e vimos um gatinho super fofo, com cara de tímido, sozinho e indefeso bem ali. Lógico que ele não ia escapar dessa né?

Então, desafiei com a minha amiga a falar com ele usando a cantada que nosso professor nos ensinou. Ela, uma menina toda conservadora, achou o cúmulo chegar no moleque, que ele que tinha que chegar nela e etc. Mas a aposta estava valendo alto e ela foi forçada a se arriscar. A cantada era simples.

  1. Oi, posso te fazer 3 perguntas?
  2. Qual seu nome? Me dá um beijo? E por quê não?
  3. Puxe um assunto depois que ela disser nome.

Mas falhou… O ridículo disse que tinha que esperar os amigo!S uperamos e achamos outro,claro, mas com certeza nunca mais vamos esquecer esse dia e nós nos divertimos demais!! E no final isso que importa, rendeu várias risadas e uma boa história para quando eu for lembrar dos meus anos de adolescente.

Então eu realmente espero que vocês se inspirem e aproveitem, não fiquem mal porque você chegou e levou um fora, a vida é assim. O mais importante são os momentos, tirem o melhor até das vergonhas que você já passou e faça das coisas mais leves. Por isso chamem os boys mesmo! Cheguem neles mesmo! E curtam o momento.

Beijos e até mais!

Anúncios

3 comentários sobre “Levei um fora e agora? 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s