Correio Elegante

Hoje tem varias historias de amor! Feliz dia dos namorados, e para quem não namora ainda. RELAXA! Não se apresse, você não tá encalhado(a). Encalhado é quem casa errado 🙂


Tudo aconteceu no final do ano de 2014, eu tinha ido fazer uma viagem de formatura para um cruzeiro e o meu namorado tinha ido com o pai dele para a mesma viagem, coisa que geralmente ele não fazia, e por sorte já estávamos no mesmo navio. No segundo dia de viagem eu estava indo para o restaurante jantar e ele estava descendo uma escada, foi quando nossos olhares se cruzaram e eu senti uma coisa que nunca tinha sentido antes, mas ficou por isso mesmo, cada um foi para o seu lado. No outro dia eu fui dar uma volta pelo navio com minha amiga e decidimos entrar no cassino (e eu nem gosto de jogos), imaginem qual foi a minha surpresa em ver o mesmo menino das escadas vindo na minha direção, sim ele, justo ele, no meio de tantas pessoas, era ele que estava ali! Hoje eu sei que ele estava lá me procurando, pois já tinha me visto antes e começou a fazer uma busca pelo navio para tentar falar comigo,então nos encontramos e começamos a conversar para a minha tristeza ele morava em outro estado, eu do interior de São Paulo e ele em Minas Gerais.

Depois fomos almoçar juntos e procurar minhas outras amigas, bom, papo vai, papo vem, ficamos conversando a tarde inteira, eu, ele e mais várias pessoas, na hora da despedida combinamos de nos encontrar a noite para ir em uma apresentação que estava tendo, me preparei nos últimos retoques e ele também hihi. Fomos na bendita apresentação e assim estava chegando o final da viagem, infelizmente não conseguimos sentar um do lado do outro, estávamos nos paquerando de longe, depois da apresentação ficamos conversando até umas 4h da manhã junto com uma outra amiga minha, pois no outro dia iríamos embora e eu não sabia se veria ele novamente, na despedida trocamos os telefones. Ficamos conversando por 1 ano por mensagens, até marcarmos de nos encontrar novamente, e foi nesse final de Janeiro de 2016 que saímos pela primeira vez juntos só nós dois e deu certo (uhuuul), hoje nós nos encontramos quase todo final de semana, e a distancia não é um empecilho quando se tem vontade, sou muito grata por ter encontrado ele no meio de tantas pessoas e no meio de tantos desencontros, por que além de um namorado ganhei um melhor amigo que está comigo em todos os momentos, esse será nosso primeiro dia dos namorados juntos e estamos muito contentes por isso, (eu queria fazer uma surpresa pra ele mostrando nossa historia escrita, mas como sou péssima nisso, tive que pedir para ele me lembrar de umas partes, porque eu já não lembrava de alguns detalhes hihi, desculpa amor, te amo sz).

 

Nos conhecemos porque eu era bixete na faculdade. Ele me chamou pelo facebook e em pouco tempo ficamos amigos. Começamos a conversar bastante e ele já demonstrava certo interesse por mim, mas eu ainda estava sofrendo por uma desilusão amorosa. Até cheguei a falar disso pra ele e não me esqueço que ele respondeu “quem te faz sofrer é trouxa”. Não passávamos muito tempo juntos mas ele sempre demonstrava ser muito carinhoso, até que um dia, resolvemos tomar açaí juntos, e como eu fiquei com a colher, uma colherada era pra mim e a outra eu dava na boca dele (risos). Ele me olhava de um jeito tão meigo, e fomos ficando cada vez mais pertinho um do outro até que rolou o primeiro beijo. Depois desse dia ficávamos sempre que possível juntos. Eu até achei perigoso me envolver demais pois não queria sofrer de novo por causa de um amor não correspondido. Resolvi pedir um tempo pra ele e foi quando me surpreendi, pois ele não queria um tempo já que estávamos indo tão bem e poderíamos dar certo como um “casal”. Não esperava que ele quisesse nada sério, então resolvi arriscar. Estamos juntos há 3 meses e posso dizer que o amo demais! Não esperava sentir nada tão profundo por alguém tão rápido, mas ele me completa! Ele é bobo, engraçado, tonto e parece uma criança…e por isso completa meu jeito sério de uma velha de 60 anos (hahahaha). Então, se opostos se atraem, estamos no caminho certo!
I. E.

 

Eu e o Eric nos conhecíamos de vista desde os Meus 12 anos, mas nunca tínhamos nos falado, foi então que quando eu tinha 15 anos ele foi com meus amigos que são amigos em comum dele em uma fogueira da igreja! E esses amigos me convidaram para ir para o Hopi Hari no dia posterior aquele!
Nos dia do parque de diversões foi a primeira vez que ele tinha ido ao hopi hari e nos divertimos muito; ele todo bonito, alto, moreno, cristão, mas não tive intenções nenhuma com ele no dia! Em um brinquedo chamado Katatumbe ( de terror ) estava livre aquele dia, pois geralmente é um brinquedo pago, e todos insistiram para que fossemos, eu muito assustada e morrendo de medo, avisei a todos que não queria ir, mas então tiveram a ideia de todos darem as mãos, e dentro do brinquedo ninguém soltar um ao outro, foi então que ele segurou minha mão e disse, “não fique com medo não, eu te protejo” simmmmm muito fofo! Tiramos varias fotos naquele dia! E foi a partir deste dia 28/07 que começamos a nos falar e neste ano farão 3 anos que estamos juntos! 

 

Acredito que a maioria das meninas amam ir em casamentos, ver a noiva entrando de branco e se imaginar, pensando que um dia será você é um sonho para algumas. O dia do casamento chegou e eu estava muito ansiosa, não sei por qual motivo mas eu apenas queria ir. Minha mãe não estava com muita vontade de ir, e quase não fomos, mas depois de conversar com ela deu tudo certo e fomos no casamento.
O casamento foi em um clube, e eu e meus pais fomos um dos primeiros a chegar no salão, estava tudo bem bonito e eu estava feliz pelos noivos.
Depois de algumas horinhas de festa, um amigo meu chamado Marcelo me chamou para sentar na mesa junto com os adolescentes da nova igreja que ele estava frequentando. Eu aceitei o convite, pensando obviamente que teria meninas na mesa..
Mas não foi isso que aconteceu, chegando na mesa tinham 6 meninos. Todos foram muito simpáticos comigo, mas meninos normalmente são bem crianças e com esses não era diferente.
Teve um momento da festa que eu voltei para a mesa dos meus pais pelo simples fato de ser muito chato não ter nenhuma menina sentada comigo, mas depois eu voltei para a mesa e sentei perto dos meninos que eu conhecia, que não é importante assim, então vamos para o que realmente interessa…

A zoeira na mesa não tinha fim, e eu apenas ria achando tudo aquilo muito idiota, até pegarem o meu celular, odeio isso. Não curto esses tipos de brincadeira e o mais triste é que os meninos da mesa não se tocavam! Larguei meu celular para lá, e não perdi a paciência fiquei bem tranquila e deixei eles brincando com o celular.
Um menino que eu não tinha visto ainda, sentou na mesa, e eu estava alegre naquele dia e perguntei para o meu amigo quem era ele, “É o Lucas”. E eu disse:
“Oii, você já estava aqui?” E ele foi curto e grosso “oi, estava” e nem olhou para minha cara. Mas eu nem me toquei que ele foi tão grosso assim comigo e continuei conversando com meus amigos.

Pegaram o meu celular outra vez, e dessa vez arrancaram tudo dele, a bateria, o chip e a tampinha de trás. Respirei fundo e estava pedindo por favor para eles me devolverem. Até que uma capinha foi parar comigo, era do “miss- simpatia” da minha frente, Lucas. Ele me pediu a capinha dele, mas eu não dei antes dele me dar o resto que faltava do meu celular, e então ele disse que ia me dar, olhou nos meus olhos e falou “confia em mim” eu não devia mas simplesmente entreguei a capinha dele e ele me devolveu o celular. E eu agradeci.

E de novo aconteceu, pegaram o meu celular e desse vez só faltou a bateria. Eu já tava ficando meio brava mas mantive a calma, as crianças, quer dizer, os meninos da mesa nem iria ligar se eu desse pit, seria pior ainda.
E de novo o tal de Lucas conseguiu pegar da mão deles minha bateria para me devolver, dessa vez ele me pediu o celular para ele mesmo por a bateria, achei estranho mas eu dei, pelo jeito sério dele, e o modo como me falou para eu confiar nele. E eu confiei outra vez.
Ele ligou o meu celular e colocou o número dele no meu celular, era óbvio que ele estava afim de mim não tinha outra explicação.Eu não entendi mas agradeci pela gentileza dele. 

Eu confesso que eu dei umas olhada para ele, acredito que a gentileza dele me chamou muita atenção, é difícil você ver isso no mundo em que vivemos hoje. Finalmente era a hora de servir a comida, o meu amigo, sumiu na hora e eu fiquei sozinha e estava indo para o final da fila, até que o Lu me chamou para ficar junto com ele na fila e eu fui. Começamos a conversar de coisas aleatórias, e quando estávamos indo sentar ele me pediu para sentar do lado dele, e eu aceitei, nenhum menino foi tão gentil e cavalheiro como ele foi e eu gostei de conversar com ele.. Conversamos muito, faculdade, escola, profissão e meu “amigo” não estava nem ai pra mim, (acredito que eu fui usada para fazer ciumes na tal pretendente dele). O lu era muito legal. Fomos zoados juntos, falaram de nós, e realmente teve certas pessoas que não curtiram nenhum pouco as brincadeiras que estavam fazendo com nós dois. Eu fiquei meio tímida mas ele era um rapaz muito charmoso, e ele ficava bem bonita de social.

Mas como tudo que é bom dura pouco, eu e meus pais fomos embora e eu não me despedi dele, dei um tchau coletivo.. mas eu confesso que ele chamou minha atenção, pelo modo de como me tratou.
E quando eu cheguei em casa, senti que eu tinha que agradecer ele mais uma vez e mandei uma mensagem no whatsapp… E, ah, outro dia eu conto o resto

 

Tudo começou a 2 anos atrás, quando um amigo fez um grupo no whats convidando uma galera para assistir a abertura da copa do Brasil na casa de uma amiga e na época estava acompanhada e quando vi meu atual namorado me apaixonei perdidamente. Trocamos várias mensagens todos os dias e o dia inteiro, ele ia me buscar no trabalho, me levava pra comer… Ficavamos até tarde da noite conversando… Até que chegou um dia, larguei dessa pessoa que estava e fiz a maior loucura de todas e que não me arrependo de jeito algum. Me joguei de cabeça nesse relacionamento e hoje dia 12/06 completamos 1 ano 11 meses juntos.
Todos os dias agradeço a Deus por ter me colocado esse homem maravilhoso em meu caminho. E a cada dia que passa meu amor só aumenta a cada instante
.

large

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s